artérias

8 sinais de que suas artérias estão entupidas e você nem imaginava

8 sinais de que suas artérias estão entupidas e você nem imaginava

 

Você já parou para pensar sobre o estado das suas artérias? São como estradas vitais que conduzem o fluxo sanguíneo para todas as partes do corpo. Mas, assim como uma estrada congestionada pode prejudicar o tráfego, artérias entupidas podem representar um sério risco à sua saúde. O que é ainda mais alarmante é que muitas vezes os sinais desses bloqueios são sutis e podem passar despercebidos. Neste artigo, vamos explorar oito sinais reveladores de que suas artérias podem estar entupidas – sinais que você talvez nem imaginasse. Reconhecê-los pode ser o primeiro passo crucial para proteger sua saúde cardiovascular.

As artérias são partes fundamentais do seu corpo, elas devem estar sempre saudáveis, para assim evitar graves problemas irreversíveis. Para isso devemos estar sempre atentos aos sinais e procurar se manter informado com os médicos regularmente.

8 sinais de que suas artérias estão entupidas

artérias

As causas que causam entupimento das artérias, podem ser as mais variáveis, sendo elas por conta de problemas crônicos, tipo diabetes, problemas de pressão e cardíacos, logo veja alguns sintomas que podem identificar o problema.

  • Dor nas pernas e calafrios
  • Inchaço nas pernas
  • Perda de cabelo e unhas quebradiças
  • Pele azulada ou brilhosa
  • Mãos e pés frios
  • Cansaço
  • Disfunção erétil
  • Dormência nos braço ou pernas

Como prevenir e tratar a doença:

Prevenção:

  1. Alimentação Saudável: Uma dieta rica em frutas, vegetais, grãos integrais, peixes e gorduras saudáveis pode ajudar a prevenir o acúmulo de placas nas artérias. Alimentos como abacate, nozes, azeite de oliva e peixes gordurosos, como salmão e sardinha, são especialmente benéficos devido aos seus ácidos graxos ômega-3, que ajudam a reduzir a inflamação e melhorar os níveis de colesterol.
  2. Exercício Regular: Manter-se ativo é essencial para a saúde cardiovascular. Além de fortalecer o coração, o exercício regular ajuda a melhorar a circulação sanguínea, reduzir a pressão arterial e controlar os níveis de açúcar no sangue. Recomenda-se pelo menos 150 minutos de atividade física moderada por semana, como caminhada rápida, corrida leve, ciclismo ou natação.
  3. Controle do Peso: O excesso de peso está intimamente ligado ao desenvolvimento de doenças cardíacas. Manter um peso saudável através de uma dieta equilibrada e exercícios regulares pode ajudar a reduzir o risco de acúmulo de placas nas artérias e outras complicações cardiovasculares.
  4. Controle do Estresse: O estresse crônico pode contribuir para o desenvolvimento de doenças cardíacas, aumentando a pressão arterial e os níveis de cortisol no organismo. Praticar técnicas de relaxamento, como meditação, ioga, tai chi ou respiração profunda, pode ajudar a reduzir o estresse e proteger o coração.

Cuidados:

  1. Monitoramento Regular da Saúde: Realizar exames de saúde regulares, incluindo medições de pressão arterial, níveis de colesterol e glicose no sangue, é fundamental para detectar precocemente qualquer problema nas artérias e tomar medidas preventivas.
  2. Gestão do Colesterol: Manter os níveis de colesterol dentro dos limites saudáveis é crucial para prevenir o acúmulo de placas nas artérias. Além de uma dieta saudável, seu médico pode recomendar medicamentos para reduzir o colesterol, como estatinas, se necessário.
  3. Evitar o Tabagismo e o Consumo Excessivo de Álcool: O tabagismo e o consumo excessivo de álcool são fatores de risco significativos para o desenvolvimento de doenças cardíacas e o acúmulo de placas nas artérias. Parar de fumar e moderar o consumo de álcool são passos importantes para proteger a saúde cardiovascular.

Tratamento:

  1. Medicação: Em casos mais graves de obstrução das artérias, o médico pode prescrever medicamentos para ajudar a reduzir o colesterol, controlar a pressão arterial e prevenir a formação de coágulos sanguíneos. É importante seguir rigorosamente as instruções médicas e tomar os medicamentos conforme prescrito.
  2. Procedimentos Médicos: Em situações em que as artérias estão significativamente obstruídas, podem ser necessários procedimentos médicos para desobstruir as artérias e restaurar o fluxo sanguíneo adequado. Isso pode incluir angioplastia, colocação de stents ou cirurgia de bypass coronariano, dependendo da gravidade do bloqueio e da condição do paciente.

Remédios Caseiros:

  1. Alho: O alho é conhecido por suas propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, que podem ajudar a reduzir o acúmulo de placas nas artérias e melhorar a circulação sanguínea. Consumir alho cru regularmente ou tomar suplementos de alho pode ser benéfico para a saúde cardiovascular.
  2. Gengibre: O gengibre possui propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes que podem ajudar a melhorar a circulação sanguínea e reduzir o risco de formação de placas nas artérias. Adicionar gengibre fresco às suas refeições, fazer chá de gengibre ou tomar suplementos de gengibre pode ser uma maneira eficaz de incorporá-lo à sua dieta.
  3. Limão: O limão é rico em vitamina C e antioxidantes, que podem ajudar a proteger as artérias contra danos causados pelos radicais livres e reduzir a inflamação. Beber água com limão todas as manhãs pode ajudar a estimular o sistema cardiovascular e melhorar a saúde das artérias.

É importante ressaltar que remédios caseiros podem complementar, mas não substituir, o tratamento médico convencional. Sempre consulte um profissional de saúde antes de iniciar qualquer novo tratamento ou fazer mudanças significativas no estilo de vida, especialmente se você tiver problemas de saúde pré-existentes. A prevenção, o cuidado regular e o tratamento adequado são fundamentais para manter a saúde das suas artérias e do seu coração ao longo da vida.

Avalie esta receita





Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *